ANNEKE VAN GIERSBERGEN E MARKO HIETALA fazem show acústico no Rio de Janeiro

0
1140
Six Strings and a Voice – An Evening With Anneke van Giersbergen and Marko Hietala
Foto: Daniel Croce

A dupla está de passagem pela América Latina com a turnê “Six Strings and a Voice – An Evening With Anneke van Giersbergen and Marko Hietala”..

A cantora e multi-instrumentista holandesa Anneke van Giersbergen ficou conhecida por ser vocalista da banda The Gathering. Em 2007, deixou a banda e a partir daí encabeçou diversos projetos como Agua de Annique e VUUR, além de ser amiga e figurinha presente nos projetos de Arjen Lucassen. Atualmente, Anneke está divulgando seu mais recente álbum solo, The Darkest Skies Are The Brightest (2021), que traz um lado mais intimista de sua música.

Marko Hietala dispensa apresentações, foi baixista e vocalista do Nightwish por quase 20 anos até deixar a banda em 2021. Também é membro da banda clássica de heavy metal finlandês Tarot, que montou com seu irmão Zachary Hietala, no comecinho dos anos 1980. No final de 2022, Marko anunciou o seu retorno e seguiu em carreira solo, agora e prepara um novo álbum, o qual será lançado em breve.

Anneke e Marko estão de passagem pela América Latina com a turnê “Six Strings and a Voice – An Evening With Anneke van Giersbergen and Marko Hietala”, que mostra o lado acústico destes dois artistas incríveis. A dupla ainda traz consigo o guitarrista Tuomas Wäinölä, conhecido por ser parceiro de Marko Hietala e da tradicional banda finlandesa Raskasta Joula, que é conhecida por interpretar músicas natalinas em língua finlandesa.

Six Strings and a Voice – An Evening With Anneke van Giersbergen and Marko Hietala

Na última quinta-feira (05/10), o show no Teatro Rival, no Rio de Janeiro, começou com Marko Hietala e seu parceiro, Tuomas, no palco interpretando a canção Stones, do primeiro álbum solo de Marko, Pyre of the Black Heart. Em seguida, tocam Isäni ääni, cantada em finlandês.

O show também foi recheado de covers de clássicos do rock, sendo que as duas primeiras foram, Crazy Train, de Ozzy Osbourne, que agitou o público, e na sequência Holy Diver, do DIO. Bastante simpático e conversando com o público, Hietala comentou que seu novo álbum está sendo finalizado e sairá em breve, e então apresentou uma nova canção.

Six Strings and a Voice – An Evening With Anneke van Giersbergen and Marko Hietala
Foto: Daniel Croce

A dupla toca mais dois clássicos, Children of the Grave, do Black Sabbath, e Child of Babylon, do Whitesnake. E foi nesse momento que Anneke van Giersbergen entrou no palco e foi ovacionada pelo público. Ao terminarem a música, Marko e Tuomas se retiraram e Anneke cantou a canção Lo and Behold. Também muito simpática e comunicativa, a cantora anuncia a primeira música do The Gathering, Saturnine. E assim segue mais catarse do público.

Six Strings and a Voice – An Evening With Anneke van Giersbergen and Marko Hietala
Foto: Daniel Croce

Após o cover Valley of the Queens, do Ayreon, ao anunciar a próxima música, a cantora contou a história de que escreveu I Saw a Car nos dez minutos finais para o término das gravações do seu álbum. Ela disse ao produtor: “É uma música estranha, mas me faz feliz”, ao que, segundo ela, o produtor teria respondido: “Sim, é uma música estranha, mas me fez feliz também”.

Six Strings and a Voice – An Evening With Anneke van Giersbergen and Marko Hietala
Foto: Daniel Croce

Marko e Tuomas retornam ao palco e o agora trio interpreta uma bela versão de Catch the Rainbow, do Rainbow, com vocais muito bem trabalhados e executados. Tuomas puxa a bossa nova Wave, de Tom Jobim, que muitas vezes soa piegas pelo artista internacional ao tentar “ganhar” o público brasileiro, mas, por incrível que pareça, foi bem recebida e a audiência cantou junto, o que fez Anneke lançar olhares de surpresa e contentamento. Aliás, a cantora disse que Tuomas pediu para tocar uma bossa nova, e ela se surpreendeu ao ver que ele sabia tocar – ela ficou ainda mais para sua surpresa observando o público cantando junto. Anekke também comenta que está feliz por Marko tocar Strange Machines, do The Gathering, e o público animado entoa o tradicional “ole ole ole ole, Marko, Marko”.

Após pouco mais de duas horas, o trio encerra com The Sound of Silence de Simon & Garfunkel, para encerrar o show, com o público aplaudindo de pé ao final.

Setlist
Stones (Marco Hietala)
Isäni ääni (Marco Hietala)
Crazy Train (Ozzy Osbourne)
Holy Diver (Dio cover)
Children of the Grave (Black Sabbath cover)
Child of Babylon (Whitesnake cover)
Lo and Behold (Anneke van Giersbergen)
Saturnine (The Gathering)
Valley of the Queens (Ayreon cover)
I Saw a Car (Anneke van Giersbergen)
The May Song (The Gathering)
Hurricane (Anneke van Giersbergen)
Catch the Rainbow (Rainbow cover)
Wasted Years (Iron Maiden cover)
I See Fire (Ed Sheeran cover)
Strange Machines (The Gathering)
The Islander (Nightwish)
Perry Mason (Ozzy Osbourne cover)
The Sound of Silence (Simon & Garfunkel cover)

Saiba mais em: Site oficial AnnekeInstagram oficial Marko Hietala

Leia mais em: Eddie Pimentel lança seu primeiro single com super banda internacional

LEAVE A REPLY

Please enter your comment!
Please enter your name here